Receba novidades - cadastre seu E-MAIL

quinta-feira, 4 de junho de 2015

Datas comemorativas - FESTA JUNINA

Festas Juninas


Festas juninas ou festas dos santos populares são celebrações que acontecem em vários países historicamente relacionadas com a festa pagã do solstício de verão na Europa ou do inverno no Brasil, que era celebrada no dia 24 de junho, “Festa de são João”. Outros dois santos populares celebrados nesta época são São Pedro (13) e Santo Antonio (29). Em Portugal, as festas dos 3 santos populares, marcam o início das Festas de Verão, por todo o país.

Fogueiras e balões - De origem europeia, as fogueiras juninas fazem parte da antiga tradição pagã de celebrar o início do verão, já o uso de balões, lanternas e fogos de artifício durante as festas juninas estão relacionados aos efeitos visuais e, acredita-se em algumas partes do mundo, que servem para despertar São João Batista. Pequenos pedaços de papéis eram atados nos balões com desejos e pedidos e eram soltos no início das festas para avisar a todos que morassem mais longe do local que a festança ia começar.



Fogos de artifício - Muitas crianças fazem barulho brincado com fósforos de cor, estrala-salão, traque e pequenas bombinhas, já os adultos gostam de soltar rojões, busca pé e outros fogos de artifício. No interior ainda se erguem os mastros para os santos e o ritual é feito com muitas rezas e cantos.

Quadrilhas - A quadrilha nasceu na França e chegou ao Brasil no século XIX. Era algo muito simples, com trajes típicos caipiras, dançada aos pares em círculos ou em fileiras. Hoje, foram introduzidos muitos passos das danças brasileiras, as roupas são mais rebuscadas e ricas e, em muitos lugares, são feitos concursos pra eleger qual é a quadrilha mais animada, mais coreografada, as roupas mais elaboradas e ricas, enfim, em cada parte do Brasil, as quadrilhas adquiriram as características do lugar e passaram a fazer parte das festas juninas de maneira lúdica, teatral e festiva com estilos próprios, deixando de lado os conceitos básicos das quadrilhas que enalteciam a ruralidade e o caipira.


As Festas Juninas do sul do nosso país são totalmente diferentes das realizadas no Norte e Nordeste, enquanto no sul se dança em volta das fogueiras, com quermesses e muita música caipira, no norte e nordeste são muito alegres, com muito forró, xote, baião, frevo, etc.

Simpatias – Muitas pessoas acreditam nas simpatias e praticam pedindo fartura na mesa no dia a dia, bastante dinheiro, marido, etc.


Decoração – As Festas são ricamente decoradas com palha de milho, papéis, tecidos (xita) e outros. São feitas lanterninhas, bandeirinhas, flores, embalagens para pipoca, amendoim e docinhos, enfeites para barracas, festões, etc.

Comidas típicas -  As comidas mais apreciadas dessa época são: o amendoim torrado, pipoca, canjica, pamonha, doces caseiros (leite, mamão, abóbora, batata doce), milho cozido, assado, bolo de milho, pé-de-moleque, paçoquinha, entre outras.


Atividades: Enfeites para decorar as Festas Juninas.

Objetivos:
a) Fazer um estudo sobre as Festas Juninas brasileiras e suas diferentes versões em cada região do país.
b) Confeccionar vários enfeites para decorar a Festa Junina utilizando papéis e técnicas diversas.

1 – Convite para a Festa Junina


Material: papel color set ou Bloco de papel Ecocores Textura, papel Ecocores 21 cores (Novaprint), tesoura, cola branca e Crystal Cola prata (Acrilex).

Modo de fazer:
a)  Faça o molde de uma bandeirinha. Dobre o papel color set ou papel Ecocores Textura, risque a bandeirinha e recorte. Sairá uma bandeirinha dupla.
b)   Decore a bandeirinha utilizando papel Ecocores 21 cores e Crystal Cola prata.
c)   Entre as bandeirinhas escreva os informes de local e horário da festa.


2 - Flores de crepom



Material: papel crepom liso, xadrez e bolinhas Crep Pack (Novaprint), tesoura, cola branca e um círculo de cartolina ou color set verde.

Modo de fazer:
a) Recorte os rolos de crepom em tamanhos diferentes (cores diferentes). Arredonde um dos lados para fazer as pétalas da flor.
b) Abra os rolinhos. Franza com as mãos no lado reto do crepom e vá juntando com cola de maneira que a flor vá se formando.
c) Franza primeiro o rolinho menor (miolo), depois vá franzindo e colando os outros rolinhos em volta do miolo. Por último, franza os rolinhos verdes (folhas).
d) Cole o círculo de cartolina ou papel color set verde por trás da flor para dar acabamento.

3 – Bandeirinhas decoradas


Material: bloco de papel Ecocores 21 cores, bloco de papel Ecocores textura (Novaprint), tesoura, cola branca, Crystal Cola (Acrilex) e barbante.

Modo de fazer:
a) Faça o molde da bandeirinha em cartolina e risque no papel Ecocores 21 cores. Recorte. Decore com Ecocores Textura e Crystal Cola prata.
b)  Dobre a parte superior (1 cm), passe a cola branca na dobra, coloque o barbante e aperte para juntar as partes.

5 – Porta amendoins ou docinhos




Material: bloco de papel Ecocores 21 cores, bloco de papel Ecocores textura (Novaprint), tesoura, cola branca, cortador Tok e Crie em formato de flor, Crystal Cola (Acrilex) e régua.

Modo de fazer:
a) Risque quadrados medindo 15x15cm no papel Ecocores Textura ou Ecocores 21 cores. Recorte.
b)  Enrole duas pontas fazendo um cone. Cole.
c)  Corte flores com os cortadores da Tok e Crie e cole nos cones. Faça um pingo de Crystal Cola no centro da flor. Encha com amendoins ou docinhos e faça a alegria das crianças.

6 – Porta pipocas / porta pé-de-moleque




Material: bloco de papel Ecocores 21 cores, bloco de papel Ecocores textura (Novaprint), tesoura, cola branca, Crystal Cola prata (Acrilex).

Modo de fazer:
a) Recorte quadrados no tamanho 22 x 22 cm e dobre conforme o desenho.
b) Decore com o papel Ecocores Textura e Crystal Cola prata.

7 – Lanterninhas juninas




Material: bloco de papel Ecocores textura (Novaprint), tesoura, cola branca, régua e tesoura.

Modo de fazer:
a)  Recorte retângulos medindo 15x24cm. Dobre ao meio. Faça uma linha com 2 cm de largura nas extremidades. Risque linhas paralelas com 1cm de largura e corte da dobra até a linha marcada. Abra o trabalho e junte as laterais com cola. Faça uma alça e cole na parte superior.



Conteúdos trabalhados: cores, linhas, formas, bi e tridimensão, ângulos, volumes, paralelas, sobreposição, textura e equilíbrio.  

Técnicas trabalhadas: Origami, Recorte e Colagem.

Possibilidades de trabalho:
-  Peça aos alunos que comentem o que lembram das Festas Juninas que participaram. O que foi mais marcante? Como eram as músicas? O que lembram da decoração?
- Peça que, em grupos, façam uma pesquisa sobre a história das Festas Juninas. Socializem.
-  Os pais são de regiões do Brasil diferentes, uns são do sul, outros do sudeste, centro oeste, norte, nordeste... peça que perguntem aos pais sobre as Festas Juninas nos estados onde eles passaram a infância. Socializem.
- Conversem sobre a alegria que envolve as Festas Juninas, os preparativos, as danças, as comidas típicas, etc.
-  Ensine seus alunos a fazer as bandeirinhas, porta pipocas, porta amendoim, flores, lanterninhas, convites, etc. Não esqueça de deixá-los criar na decoração. Você pode dar o molde da bandeirinha ou do convite, mas a decoração é de cada um.
-  Depois da festa converse com os alunos e relembre todas as fases da aprendizagem. O que aprenderam com a participação nesse projeto?

Obs. - Plano de aula publicado no site da Novaprint - www.novaprint.com.br - link "Professores".

Ivete  Raffa
Arte educadora e pedagoga
Cursos e Livros para professores
iveteraffa@uol.com.br